Guia Prático

Horta em Apartamento: O Que Plantar?

Saiba tudo sobre como fazer horta em apartamento

horta em apartamento

Não é porque você mora em um espaço pequeno que não pode investir seu tempo em cultivar plantas, frutas e verduras. Quem quer ter uma horta em apartamento, por exemplo, não precisa se preocupar em perder um pedaço da sala ou da área de serviço. É plenamente possível ter tudo em um só lugar, sem aquela sensação de que há coisas demais no ambiente.

Neste artigo vamos lhe mostrar um passo a passo simples e fácil de ser seguido para criar sua própria hortinha. Os vasos são pequenos, cabem nos cantos mais inesperados da casa e contribuem também para deixar seu apê mais bonito e cheiroso.

Local: onde a horta em apartamento deve ficar?

O primeiro passo é pensar no lugar em que você irá montar sua horta. Todos os especialistas em jardinagem explicam que o ideal é sempre um lugar em que a incidência de sol direta seja de pelo menos 4 a 6 horas contínuas. Menos do que isso não é benéfico para as plantas.

Quem tem uma sacada ou varanda, portanto, será beneficiado nesse quesito. Há variados modelos de vaso que podem ser pendurados nessa parte do apartamento. Latas, potes e caixas de madeira também são recipientes interessantes.

Independente de qual você escolher, é importante que haja um furo embaixo para que a água escoe. Do contrário, a raiz irá apodrecer.

O que plantar em um apartamento?

plantar temperos

Nem tudo dá para plantar em sua horta de apartamento. Ainda assim há muitas opções, principalmente em termos de tempero! Ervas aromáticas também vão muito bem. O importante é que tudo que você for plantar seja usado por você no dia a dia.

Além das ervas e dos temperos, hortaliças e frutas são outras boas pedidas que você pode ter em casa. Confira abaixo algumas ideias bacanas.

Temperos e ervas

Esses são os que mais têm chances de vingarem e de darem certo. Não é preciso replantá-los, o que torna o cultivo bastante simples. Além disso, dá para achar todos em supermercados os seguintes:

  • Alecrim: para não prejudicar o crescimento e a manutenção do alecrim, tire menos da metade do ramo por vez;
  • Cebolinha: a cebolinha, por sua vez, deve ter seus talos retirados pela base, jamais pela metade;
  • Coentro: a salsinha e o coentro são parecidos, mas o aroma e o sabor são mesmo diferentes. Mantenha esse tempero em um vaso apenas dele;
  • Hortelã: as raízes da hortelã crescem e se espalham bastante, por isso convém que ela também fique em um caso destinado apenas a ela;
  • Manjericão: o manjericão é um dos melhores temperos para usar nas mais variadas receitas. Se quiser, retire um ramo e deixe duas ou três folhas no topo e replante em outro vaso. Terá manjericão em dobro;
  • Orégano: muito melhor plantado do que comprado desidratado;
  • Pimentas: praticamente qualquer pimenta pode ser plantada em um apartamento. Além do tempero, há quem acredite que afasta a inveja alheia;
  • Sálvia: muito usada em molhos vermelhos, é menos comum de ser encontrada;
  • Salsinha: também precisa de muito espaço, visto que suas raízes se alongam mais do que as demais;
  • Tomilho: a vantagem desse tempero é sua fácil adaptação a vasos de pequeno porte.

Hortaliças

Se você possuir um apartamento maior, poderá investir algum espaço em ter vasos com hortaliças. Ter esse tipo de alimento o mais fresco possível não só é só mais saboroso como é mais nutritivo. Isso garantirá que você tenha uma alimentação sem tanto agrotóxicos e outros químicos.

  • Agrião: apesar do gosto amargo, o agrião é muito nutritivo e vai muito bem em qualquer tipo de salada. É ideal para apartamentos, já que é de fácil cultivo;
  • Alface: mesmo que o seu apê seja bem pequeno, pode optar pela alface baby, uma espécie minúscula, que cabe em qualquer vasinho;
  • Beterraba: a beterraba dá folhas volumosas e vistosas, por isso veja se o espaço destinado ao seu vaso será suficiente. De qualquer forma, tanto essas folhas quanto a raiz são usadas na alimentação;
  • Cenoura: o caso é parecido com o da beterraba. Aliás, as folhas podem ser usadas enquanto a raiz continua crescendo dentro da terra;
  • Couve: independente de qual tipo de couve preferir, pode ter certeza de que o cultivo é simples e fácil;
  • Espinafre: um cuidado com o espinafre que você deve ter é que precisa ser cultivado em épocas de baixa temperatura;
  • Rabanete: da lista é o único que você precisará repetir todo o processo, ou seja: plantar novas sementes e esperar os vinte e cinco dias de crescimento do vegetal.

Frutos

Morango, tomate e outros frutos pequenos são ideais para serem cultivados em uma horta em apartamento. O seu apê ficará mais colorido se focar nesse tipo de plantio. Os tomates-cereja, por exemplo, são muito bons, pois crescem rápido e podem ser usados em saladas ou para decorar outros pratos.

Se optar pelos morangos ou pelas amoras, use um vaso suspenso, visto que esses frutos crescem formando uma cascata.

Cuidados que deve ter com uma horta em apartamento

cuidados com horta em apartamento

Ter uma horta em apartamento é semelhante a ter qualquer planta. É preciso encontrar o local certo para cada tipo de cultivo, além de ser importante estudar o quanto de água cada tempero, fruto ou hortaliça precisa.

O que é geral para todas as plantinhas é mesmo a presença da luz solar. Ela precisa ser direta e constante durante as horas acima explicitadas. A dose certa diária de sol e a quantidade de água na medida perfeita garantirá que sua horta cresça no ritmo certo.

Mas isso só será possível se suas plantações estiverem em recipientes com substrato de qualidade. O substrato é uma mistura forte de matéria orgânica, que garantirá um solo propício a tudo que você plantar. Cada tipo de cultivo, é importante lembrar, pode exigir um tipo de solo diferente.

Não se esqueça também que é preciso adubar as plantas de vez em quando. É do adubo que elas retiram seus nutrientes, já que estão em vasos e não na terra. Aliás, é preciso que os vasos tenham um ambiente próximo ao do que as plantinhas teriam na natureza.

Por fim, a poda é essencial, para impedir que as raízes cresçam demais. Isso é ainda mais importante quando você não usa os frutos, as hortaliças e os temperos com frequência. A poda deve ser feita rente à linha de crescimento das folhas.

Com esses cuidados, mesmo uma horta em apartamento pequeno consegue ficar linda!

 

 

 

Crédito das imagens: Freepik