Guia Prático

Como Organizar Uma Cozinha Pequena Sem Sofrer?

como organizar uma cozinha pequena

Saiba como organizar uma cozinha pequena com facilidade

Todo mundo quer saber como organizar uma cozinha pequena. Afinal, esse é um dos espaços mais importantes da casa e é onde guardamos todos os nossos mantimentos. Por isso mesmo é importante otimizar o espaço. Ter tudo à mão sem precisar perder tempo, ainda mais com a vida corrida que a maioria de nós têm, é fundamental.

Por isso abaixo você verá algumas dicas, truques e métodos que separamos para que você não sofra mais. Você verá que na hora de organizar as compras do supermercado ficará muito mais fácil quando aprender a brincar com os objetos e tudo que há em sua cozinha.

8 Dicas para otimizar o espaço da cozinha

cozinhas pequenas

Não importa se o espaço é minúsculo, se falta armários ou se a geladeira é pequena: é possível, sim, aprender como organizar uma cozinha pequena e ainda ser algo divertido. Você não precisa transitar por um espaço atulhado de eletrodomésticos, de acessórios, empilhando alimentos uns em cima dos outros.

Com alguns passos simples você perceberá que pode ter tudo que precisa em sua cozinha e ainda estar em um ambiente organizado. Confira a seguir pequenas mudanças que pode aplicar nesse espaço da casa para aproveitá-lo ao máximo.

1. Separe os itens por tipo e monte “kits”

O sal está em cima do micro-ondas, enquanto o açúcar e a pimenta-do-reino estão em um dos armários superiores. Isso é péssimo. Muitas vezes você esquece onde estão as coisas que mais precisa porque elas não estão em um lugar acessível ou à vista.

Pensando nisso, algo que é super eficaz é unir todos os produtos do mesmo tipo em kits. Os tempêros, por exemplo, podem ficar todos juntos em uma bandeja de bolo. Em outra bandeja, azeites e óleos. Isso não só é prático como deixa a cozinha com um aspecto mais organizado e mais “clean”. Além do mais, é muito mais fácil depois limpar as bandejas de bolo do que o balcão ou o micro-ondas, certo?

2. Use e abuse dos ganchos

Quem sofre com uma cozinha pequena já deve imaginar que uma das melhores saídas para ganhar espaço é pendurar alguns objetos. E nisso, os ganchos são super imporantes. Normalmente eles são utilizados para segurar aventais, panos de prato e pegadores de prato, mas podem muito bem servir a outros propósitos.

Há quem pendura panelas em ganchos, por exemplo. Talvez não seja muito prático, visto que a tampa não pode ficar pendurada, senão cai. Mas espátulas, colheres e outros talheres especiais podem muito bem embelezar sua cozinha junto aos ganchos.

3. Utilize a parte de cima e a parte de baixo das prateleiras

organizar prateleiras da cozinha

Assim como os ganchos, as prateleiras são indispensáveis em qualquer cozinha. Elas são ótimas, visto que objetos pequenos podem ficar sobre elas. Cafeteiras, latas para armazenar arroz, feijão e café costumam aparecer em cima desses objetos. Além de útil, pode dar um toque de beleza à cozinha, conforme a escolha do que ficará sobre elas.

Porém você sabia que a parte de baixo também pode ser utilizada? Para driblar a lei da gravidade, é bastante simples: prenda tampas de recipientes na prateleira, pela parte de baixo. Depois é só rosquear o vidro. Simples, prático e bonito.

4. Deixe a bancada livre

A bancada da cozinha em cozinhas pequenas tem um propósito único, que é o de ser usada para preparar alimentos. Se você perde esse espaço, passará muito trabalho na hora de cozinhar. Então evite deixar objetos sobre ela. Opte pelas prateleiras ou mesmo por cestos de metal que podem ficar presos à parede sobre a bancada.

5. Crie caixas pra as sacolas plásticas

Nem tudo você precisa pendurar em uma parede. Afinal, o efeito pretendido, que é organizar a cozinha, pode acabar não sendo obtido. O que é demais, é ruim, e ter sacolas plásticas penduras em uma cozinha pequena não é uma ideia assim tão boa.

Da mesma forma não é muito inteligente guardar as sacolas em gavetas. Um dos segredo de como organizar uma cozinha pequena está em aproveitar os gaveteiros ao máximo. Por isso use uma pequena caixa de papelão para armazenar os sacos. Eles ficam compactos, não ficam à mostra e não ocupam espaço.

Além disso, as caixas podem ser customizadas por fora, do jeito que ficar melhor ao seu gosto. É outra forma de dar um toque especial à cozinha.

6. Dê atenção à despensa

organizar despensa da cozinha

Aqui trabalhamos com duas possibilidades: ou você tem uma despensa ou não tem. Se não tem, saiba que, mesmo em um espaço pequeno, pode construir a sua. Aliás, é mesmo ideal que faça isso. Escolha uma das paredes do espaço e instale prateleiras, sejam elas de metal, de madeira ou de outro material. Faça uma sobreposta à outra e armazene utensílios e eletroportáteis pequenos.

Caso já tenha a sua, organize-a. Compre vários potes, de plástico e de vidro, e use cada um para armazenar um alimento específico. Um pote fica para o feijão, outro para o arroz, outro para o café. Não se esqueça do sal, do açúcar e da farinha. Coloque os grãos, como linhaça e chia, nessa organização. E etiquete tudo com o nome, para que não haja confusões.

A despensa ainda pode ser um bom lugar para guardar seus remédios ou outros objetos que não usa assim com tanta frequência.

7. Pense no pallet como alternativa

Cada vez mais os pallets estão sendo vistos como sinônimo de bom gosto. Dão um ar simples aos espaços, se forem bem utilizados, o que contribui positivamente em um sentido estético. Se não gostar do tom “amadeirado” do pallet, pode ainda pintá-lo da cor ou das cores que bem entender.

Mas como utilizar essa peça em uma cozinha pequena? Use-a em parceria com uma prateleira. Use uma parafusadeira boa para fixar o pallet à parede. Agora serve como suporte para uma prateleira. Se colocar sobre ela objetos leves, não com o que se preocupar. O pallet ainda é ótimo para armazenar colheres de servir, copos, facas e vidros de tempero.

8. Considere bancadas móveis

Por fim, considere ter bancadas móveis na cozinha. Elas são super úteis para servirem a variados propósitos. Podem ser utilizadas como mesas de jantar, como suporte para objetos e mesmo para eletrodomésticos, como um processador de alimentos ou um forno elétrico.

Método Marie Kondo

método marie kondo

Além das dicas acima sobre como organizar uma cozinha pequena, há um método que está cada vez mais alta: o método Marie Kondo. Para quem não sabe, Marie Kondo é uma guru da arrumação das casas alheias. A japonesa de 30 anos é famosa método carinhosamente chamado de KonMari, que vai muito mais por um viés intuitivo do que técnico.

Podemos dizer que esse método é utilizado para que você repense tudo que tem. Roupas, objetos pessoais, livros, tudo. E quando dizemos tudo, queremos dizer também tudo que você tem na cozinha. Por isso dê uma olhada em alguns conselhos que essa maga da arrumação quer lhe oferecer e adapte a sua cozinha.

1. Pergunte-se se você precisa mesmo do que tem

Um dos comportamentos responsáveis por desorganizar espaços é acumular objetos que não precisa. Por isso olhe para a sua cozinha, toque em todos os objetos, utensílios, acessórios e até alimentos e veja se realmente precisa deles.

Muitas vezes temos muito mais facas, garfos e pratos, por exemplo, do que precisamos. Portanto faça uma limpa em tudo que está “sobrando” e que você não vai mais usar. Se for alimento, doe a quem precisa e faça pessoas felizes.

2. Organize tudo por categorias

Foque nas coisas, não nos espaços em si, é o que diz o método Marie Kondo. Pegue todos os objetos que são pertencentes a uma categoria específica, como temperos, e una-os em um único lugar. Faça isso com tudo que puder e perceberá que sua cozinha ganhará mais espaço como magia!

3. Apenas retirar algo de sua vista não funciona

Dá no mesmo você manter a cozinha entulhada e pegar os objetos que não vai utilizar e mudá-los de lugar apenas para não vê-los. Esconder as “bugigangas” não funciona. Você organiza a cozinha, mas desorganiza outro espaço da casa.

4. Use prateleiras e estantes com moderação

De novo: o método KonMari é baseado na intuição e na praticidade. Portanto antes de instalar uma prateleiras ou uma estante, verifique mesmo se esses objetos irão agregar algo a sua organização. Eles precisam estar ao serviço do dia a dia, não para servirem como depósito de objetos que você não vai usar.

5. Não empilhe nada

Talvez a mais importante dica de Marie Kondo em relação a como organizar uma cozinha pequena. Empilhar sempre será algo mais fácil. Isso serve para livros, para roupas e, é claro, para objetos da cozinha. Logo, o conselho da guru é não empilhar.

Esse ato dificulta a visualização tanto do todo quanto do particular. E todos sabemos que é muito fácil deixarmos de utilizar as coisas porque não a vemos. Acabamos até mesmo esquecendo que as temos.

Além disso, uma pilha de coisas é facilmente desorganizável. Quando é com roupas, no entanto, ok: no máximo você terá que arrumar de novo. Agora quando é com potes de vidro, com panelas, ah, aí a história é outra. Além de ficar feio tudo empilhado na cozinha, há o risco de você quebrar seus acessórios.

 

 

 

 

Crédito das imagens: Unsplash