Guia Prático

Como Limpar os Dentes com Bicarbonato?

como limpar os dentes com bicarbonato

Aprenda como limpar os dentes com bicarbonato de sódio!

Você sabia que existem formas de como limpar os dentes com bicarbonato? E mais! O bicarbonato é mais higiênico que muita pasta de dente, sem falar que com ele você consegue eliminar o seu consumo de plástico e ser ecologicamente consciente.

A substância também é bastante utilizada pelos dentistas em limpeza bucal e pode ser aproveitada na sua casa. Contudo, é preciso ter uma série de cuidados com o bicarbonato de sódio, especialmente com crianças e pessoas com dentes sensíveis.

Em excesso ele pode lhe fazer mal e até mesmo estragar o esmalte dos seus dentes. Por isso nós separamos um guia completo para você saber quando e como limpar os dentes com bicarbonato.

Usar bicarbonato nos dentes faz bem?

limpeza dental com bicarbonato

A primeira coisa a ser ressaltada aqui é que você não deve fazer nenhum tipo de procedimento dentário caseiro sem conversar com o seu dentista primeiro. Por quê? Porque cada um de nós tem suas particularidades, e o uso do bicarbonato pode não ser adequado a todos.

Outra coisa importante a ser levada em consideração é a quantidade e a frequência de uso. Nada de escovar os dentes com bicarbonato de sódio três vezes por dia ou até mesmo fazer isso todos os dias.

A substância é abrasiva e pode lhe dar aftas. Além disso, pode deixar seus dentes sensíveis, mesmo que você não sofra deste problema. É que os dentes possuem três camadas importantes, em geral: esmalte, dentina e polpa.

O esmalte é a camada mais externa dos dentes e, apesar de ele escurecer com facilidade, ele não pode e nem deve ser esfoliado diariamente. A limpeza dos dentes com bicarbonato muitas vezes simula aquela que fazemos no dentista a cada seis meses.

Essa limpeza é mais agressiva porque presume que você está há um bom tempo sem ir ao dentista. Quando é esse o caso, você forma tártaro e placas por cima do esmalte. E aí o bicarbonato pode ser benéfico para remover essas sujeiras e deixar o esmalte novamente branquinho.

No uso diário, ele esfolia demais o esmalte, deixando outras camadas do dente expostas. Isso faz com que você possa ter infiltrações, cáries e outros problemas de saúde, além da sensibilidade, é claro!

Quando e como limpar os dentes com bicarbonato?

Você pode usar uma pasta de dente caseira com bicarbonato uma vez por mês, principalmente se tem uma tendência maior a ter tártaro. Caso você tenha pouco tártaro e não acumule placas, o melhor mesmo é não fazer nada, apenas seguir as recomendações do seu profissional de saúde.

O bicarbonato pode ser adicionado em bochechos também, para eliminar mau hálito e ajudar na cicatrização de pequenas feridas. Às vezes a gente morde a boca dormindo e isso pode causar desconforto. Nessas ocasiões, a substância pode ser uma boa indicação.

Jamais faça clareamento dental caseiro ou adicione bicarbonato na sua pasta de dente todos os dias. As pastas dentífricas já possuem uma quantidade significativa de bicarbonato, principalmente aquelas que são clareadoras.

Uma alternativa melhor ao uso do bicarbonato é o sal. Isso mesmo: o sal de cozinha ou a flor de sal, que é mais saudável, podem servir como ótimo enxaguante bucal natural.

Você pode misturar uma colher de cafezinho de sal com um copo de água e usar para bochechos. Isso não interfere nas camadas dos dentes e não é prejudicial a você. No entanto, nunca engula essa solução.

Como usar bicarbonato nos dentes?

como usar bicarbonato nos dentes

Se você não frequenta muito o dentista, seja por falta de grana ou tempo, você pode fazer uma limpeza caseira com bicarbonato. Porém atenção, pois isso deve ser uma vez a cada seis meses ou mais.

E se você notar qualquer alteração nos seus dentes, como sensibilidade e mudança da cor ou perda do brilho, procure imediatamente um dentista.

Para fazer uma limpeza dentária caseira, você vai precisar de bicarbonato de sódio, glicerina líquida e óleo de hortelã ou menta. Esses ingredientes são fáceis de encontrar em farmácias e lojas especializadas. Além disso são bem baratos e acessíveis.

Modo de preparo e uso:

  • Misture três colheres de chá de glicerina vegetal com três gotas do óleo essencial da sua preferência.
  • Adicione duas colheres de chá de bicarbonato de sódio e uma pitada de sal.
  • Envolva bem os ingredientes até obter uma mistura homogênea.
  • Escove os dentes com a mistura durante um dia.

Outra vantagem dessa limpeza é que ela é natural, não poluente e faz com que você seja mais ecologicamente consciente. É possível guardá-la para usar novamente, pois o sal e o bicarbonato agem como conservantes naturais.

Como limpar os dentes com bicarbonato e argila?

Além da glicerina, você pode apostar no uso da argila. Essa mistura é mais indicada para quem realmente tem placas ou muito tártaro.

A argila é ainda mais abrasiva que o bicarbonato de sódio. Ela é feita com areia como base e sua função é esfoliar os dentes. Seu uso na pele é bastante indicado, pois esta se regenera.

Nos dentes o uso da argila divide especialistas. O esmalte não se regenera, e usar produtos muito abrasivos pode destrui-lo, causando danos permanentes.

Modo de preparo e uso:

  • Misture uma colher de sopa de óleo de coco com a mesma quantidade de argila de bentonita.
  • Adicione duas colheres de chá de bicarbonato de sódio e meia colher de chá de sal.
  • Se quiser, acrescente algumas gotas de óleo essencial de menta ou hortelã, para dar um sabor agradável.
  • Escove os dentes com a pasta caseira por um ou dois dias.

E as pastas de dente com bicarbonato?

creme dental com bicarbonato

As empresas de creme dental fazem de tudo para vender seus produtos, inclusive prometer “mundos e fundos”. É claro que um creme dental com bicarbonato de sódio clareia os dentes.

Contudo, o uso diário da substância poderá lhe causar muitos problemas a curto e longo prazo. Escolher uma boa pasta de dente é meio caminho andado para ter um sorriso bonito e saudável por muito tempo.

Procure usar cremes dentais que não possuem bicarbonato de sódio, principalmente no seu dia a dia. Assim você não compromete o esmalte dos seus dentes e pode usar a substância para fazer limpezas mais pontuais.

Esse tipo de atitude ajuda você a manter seus dentes brancos, sem afetá-los de forma prejudicial. Se quiser optar por pastas de dente clareadoras e com bicarbonato, não as use todos os dias. Você pode intercalar o uso com outros cremes dentais.

Alternativas ao bicarbonato

Como você viu, o bicarbonato é um pouco agressivo e não deve ser utilizado com frequência. No entanto, isso não quer dizer que você não possa utilizar outros métodos alternativos que não o produto abrasivo.

O óleo de coco, por exemplo, é muito bom para limpar dentes e gengivas. Ele possui ácido láurico, que ajuda a matar bactérias e evitar problemas como as cáries. Sem falar que tem um gostinho bastante agradável.

A melhor forma de usar o óleo de coco nos dentes é de manhã, ao acordar. Depois do café da manhã, enxague a boca com uma colher de óleo de coco por alguns minutos. Depois escove os dentes normalmente com a sua pasta habitual.

Você pode fazer isso duas vezes por semana. O óleo de coco também é bom para tratar aftas e feridas causadas por aparelho dentário.

Bochechar água com suco de limão pela manhã também costuma ter bom resultado. Todavia, o limão pode deixar seus dentes sensíveis, mesmo sendo uma substância com base alcalina. Isso acontece por causa da sua citricidade.

Como ter uma boa higiene bucal?

Ter uma boa higiene bucal não depende apenas de coisas como limpar os dentes com bicarbonato ou não. É preciso ainda que você use fio dental diariamente, escove os dentes após as refeições e também escolha uma boa escova.

Não se esqueça que a escova deve também ser higienizada. E para isso você pode e deve usar bicarbonato de sódio. Uma vez por semana, coloque sua escova de dente em um copo com água, duas colheres de sopa de vinagre e uma colher de sola de bicarbonato de sódio.

Deixe-a repousar na mistura por uns 15 minutos e depois lave com água corrente morna. Isso esterilizará sua escova e evitará o crescimento de fungos e outros microrganismos. Troque sua escova de dente a cada seis meses. Se usa escova elétrica, substitua apenas a cabeça removível.

Não se esqueça também de aprender as técnicas corretas de escovação. Faça movimentos circulares em todos os dentes, pela frente e por trás deles. Lembre-se que uma escovação ideal deve durar no mínimo dois minutos. 

Além da escovação, não se esqueça de usar o fio dental. É recomendado que o uso desse acessório ocorra antes de escovar os dentes, visto que ele pode deixar vestígios ou restos de comida. O fio dental é um auxiliar importantíssimo na higiene bucal, uma vez que é capaz de chegar a locais que uma escova não consegue.

Dica extra: nunca deixe a língua fora da sua higiene. Esquecer esse músculo é a receita perfeita para mau hálito.

 

Crédito das imagens: Freepik