Guia Prático

Como Cozinhar Legumes: No Forno, Na Panela e Mais

como cozinhar legumes

Saiba como cozinhar legumes sem perder nutrientes e sabor!

Infelizmente não é todo mundo que gosta de legumes, muito menos de cozinhá-los. Há quem reclame do cheiro ou do gosto, quando o assunto é a alimentação. Assim como há quem pense que demora demais até eles ficarem cozidos, reclamando que dá trabalho. Pensando nisso preparamos um guia para que você saiba como cozinhar legumes de modo prático e rápido, deixando-os saborosos!

Como cozinhar legumes: 7 dicas e truques

Podemos dizer que a arte da culinária é quase uma ciência. Apesar disso, é das ciências mais fáceis, bastando misturar elementos para que possa ter um resultado perfeito em termos de sabor. E ao cozinhar legumes isso torna ainda mais simples, visto que você praticamente não tem qualquer trabalho.

Mas para que seus pimentões, suas berinjelas e suas abobrinhas fiquem bem cozidos e sem aquele aspecto insosso, você precisa sair do simples. Há uma porção de técnicas que você pode aprender a respeito de como cozinhar legumes que deixarão seus alimentos muito melhores. Confira a seguir!

1. Lave muito bem os legumes antes do preparo

Quando falamos em lavar os legumes, não estamos querendo dizer apenas passá-los sob um jato de água e pronto. É preciso deixá-los de molho em uma solução de água, de vinagre e de sal por pelo menos quinze minutos, mas não em um refrigerador. Isso não só os deixará completamente limpos como fará com que cozinhem mais rápido posteriormente.

2. Não corte os legumes previamente

cozimento de legumes

Sabemos que com a rotina acelerada que a maioria das pessoas tem hoje em dia, deixar alguns dos passos das receitas previamente preparados pode ser uma boa. Mas não com esse tipo de alimento.

Os legumes acabam perdendo muito de seus nutrientes e até mesmo do seu sabor se forem cortados e mantidos expostos à luz e ao ar muito tempo antes de serem cozidos. Portanto não é preciso mantê-los guardados na geladeira cortados.

Aliás, comprar legumes congelados são uma boa forma de economizar e de manter os alimentos com todos os seus nutrientes por mais tempo. Em vez de comprá-los frescos, talvez seja interessante comprá-los em sacos. Descongelar eles depois é muito mais fácil.

3. Cuidado com os caules, as folhas e até mesmo as cascas

Nem todas as receitas usarão as cascas, as folhas ou os caules dos alimentos. Aliás, a maioria aproveita apenas as “partes nobres”. Saiba, no entanto, que cozinhar alguns legumes com essas partes faz com que mantenham por mais tempo seus nutrientes.

É o caso do brócolis, por exemplo, que pode e deve ser cozido por completo. O sabor é o mesmo em todas as suas partes. Além disso, se cozido por inteiro, a água que fica após o cozimento fica ainda mais saborosa, podendo ser utilizada para fazer um arroz, por exemplo!

4. Seque os legumes

Depois que você deixar os legumes de molho, seque-os. Isso fará com que após o cozimento eles se mantenham crocantes e não fiquem com aquele aspecto mole. Esse truque ainda auxilia você a manter maior parte dos nutrientes dos alimentos, visto que irão cozinhar por menor tempo.

5. Evite usar água demais ao cozinhar

Como cozinhar legumes perfeitos? Use água na medida certa! Na verdade, se você for pensar, nem é necessário usar água no cozimento desses alimentos. Isso porque eles soltam sua própria água e acabam sendo preparados nela. Para cozinhá-los sem água, tampe a panela e deixe o fogo baixo.

6. Cozinhar legumes sem sal

Jamais exagere no sal! Muita gente reclama que os legumes cozidos têm todos o mesmo gosto. Isso muitas vezes se deve ao fato de que você os tempera sempre com a mesma quantidade de sal, principalmente quando é em demasia.

O segredo dos vegetais é permitir que eles soltem seus sabores próprios. Uma outra dica dentro dessa é temperá-los apenas com especiarias, como açafrão, pimenta, páprica e cominho.

7. Use o mínimo de azeite

Em primeiro lugar, esqueça o óleo de cozinha, se por acaso quiser refogar legumes, por exemplo. Esse tipo de produto deixa o alimento super gorduroso, o que é muito prejudicial à saúde.

Mas quando o assunto for temperar seus legumes após serem cozidos, use o mínimo de azeite. E, se usar, procure usar um extravirgem de boa qualidade. Um azeite balsâmico também pode ser uma boa pedida. O que importa é não ensopar os alimentos com esse tipo de tempero.

Como cozinhar verduras e legumes no vapor?

legumes cozidos no vapor

As dicas acima valem para praticamente todos os modos de cozimento de legumes. Mas há quem prefira cozinhá-los apenas no vapor, sem utilizar água ou quaisquer outros meios. Ao pensar nisso, se você está aprendendo a cozinhar, pode ficar um pouco apavorado e sem saber como proceder.

Não se preocupe, no entanto, que esse método não é nenhum bicho de sete cabeças. Aliás, é só seguir um passo a passo que montamos para facilitar a sua vida. Não tem erro!

Em primeiro lugar pense na panela. Você precisa ter um cesto dentro de uma panela de tamanho grande, em que caibam os legumes e verduras. Depois de tampá-la, fique cuidando bem para que o vapor não saia pelos buracos da tampa.

A água em que os alimentos serão cozidos deve ser mínima. Isso quer dizer, a depender da profundidade da panela, cerca de cinco centímetros. Não é necessário mais do que isso, como já vimos nas dicas acima.

O próximo passo é arrumar os legumes e as verduras no cesto dentro da panela. Preste bastante atenção nessa parte. Deve cozinhar apenas os legumes de textura semelhante, para que fiquem prontos mais ou menos no mesmo tempo. Além disso, corte-os em pedaços graúdos, para que o vapor não os atinja por completo.

Por fim, adicione o cesto à panela quando a água estiver fervendo. Tenha em mente que os alimentos não devem de jeito nenhum tocar a água. Baixe o fogo, tampe a panela e espere que o vapor cozinhe seus legumes. Evite ao máximo abrir a panela antes da hora, para não prejudicar o processo!

Como cozinhar legumes na panela elétrica?

Cozinhar legumes na panela de pressão elétrica é mais fácil do que você imagina. O princípio é o mesmo de que se você fosse fazer esses alimentos no fogão, em uma panela comum. A ideia é fazer no vapor também, portanto é bastante rápido.

Em primeiro lugar coloque um pouco de água no fundo do aparelho elétrico, o necessário apenas para cobrir o fundo. Depois coloque os legumes, dos mais duros e rígidos aos mais macios. Agora feche a panela e escolha uma das funções de cozimento que preferir. Espere o tempo que for necessário, de acordo com as orientações da função escolhida.

Uma dica importante: nada de sentar no sofá e deixar os legumes na panela fechada após o cozimento. Eles continuarão a cozinhar mesmo depois de terminado o processo, o que os deixará moles e sem crocância.

Outra questão: não deixe passar mais de 10 minutos de cozimento para ter legumes mais firmes, desde que sejam de casca mais maleável. Os mais duros, como beterraba, levam mais tempo, de 20 a 30 minutos.

Como cozinhar legumes no forno?

legumes cozidos no forno

Cozinhar os legumes no forno dá um pouco mais de trabalho do que usar uma panela. Mas nada de muito grave, além de a grande recompensa é eles ficarem estaladiços e crocantes! Para tanto, deve, antes de colocá-los em um refratário no forno, passá-los brevemente por uma frigideira.

O primeiro de tudo é preaquecer o forno a 180º. Feito isso, prepare seus legumes. Corte-os, se tiver que cortar e tire as cascas ou partes que tiver que tirar. Agora dê apenas uma dourada nos legumes em uma frigideira, que tenha apenas uns fios de azeite. A ideia não é fritar, tampouco refogar. É mesmo dar aquele “susto” nos alimentos.

Agora coloque-os em uma assadeira ou em um refratário. Tempere como bem desejar, tampe o recipiente com um papel-alumínio e leve ao forno. Eles devem ficar dourados, estaladiços e crocantes. Para isso vale dar uma mexida de tempos em tempos, para que fiquem cozidos por completo.

Como cozinhar legumes no micro-ondas?

Como se faz legumes cozidos no bom e velho micro-ondas, afinal, sem deixá-los ou muito crus ou muito moles? Em primeiro lugar, lave-os bem e corte-os em pedaços uniformes. Escolha, então, o recipiente perfeito para que possam ir ao micro-ondas. Aqueles sacos plásticos próprios para esse eletrodoméstico são uma boa pedida!

Você precisa pensar na “logística” de cozimento dos seus legumes. Se quer cozinhar legumes com tempos de cozimento diferentes, procure separá-los. Os brócolis, por exemplo, devem ir em um recipiente separado das batatas, por exemplo, já que eles cozinham primeiro do que elas.

Pense também nos tamanhos dos cortes nessa hora. Se tentar cozinhar pedaços muito grandes, levará, por óbvio, mais tempo. Além dessas dicas, é importante, talvez, furar os legumes de casca mais dura para que cozinhem mais rápido.

Precisar o tempo de cozimento dos legumes no micro-ondas não é uma tarefa muito fácil. Estima-se que levem de 5 a 10 minutos. Isso, é claro, dependerá de qual alimento estamos falando e de como ele está disposto dentro do aparelho.

Por fim, tenha o cuidado de mexer e de virar os legumes durante o cozimento. Isso é importante para que não fiquem secos, o que tira todo o gosto e a suculência dos alimentos. Se estiverem a desidratar, coloque um pouco de água. Isso deve evitar, ainda, que não queimem ou que fiquem com um gosto estranho.

 

Crédito das imagens: Unsplash e Pxhere