Guia Prático

Ar condicionado portátil: como funciona

Ar-condicionado portátil como funciona? Saiba como e ainda vantagens e desvantagens

ar condicionado portátil como funciona

Diferente de um ar-condicionado de janela ou de um split, o ar-condicionado ou climatizador portátil funciona de forma mais simples. Esse tipo de aparelho despensa instalação demorada, não necessita de reformas, obras ou qualquer tipo de intervenção na estrutura da sua casa ou apartamento.

Para começar a utilizar até o melhor ar condicionado portátil basta seguir as recomendações de uso, ligá-lo à tomada e consultar o manual de cada modelo. Muitos aparelhos portáteis de refrigeração precisam apenas que sejam posicionados próximos de uma janela, para que possam fazer propriamente a troca do ar quente pelo frio.

A maior parte dos equipamentos de ar-condicionado funciona da seguinte forma: com compressor, condensador, evaporador e motor ventilador.

Ao refrigerar o ambiente, o gás sai do compressor com alta pressão e temperatura em direção ao evaporador. Nesse caminho, ele perde calor e vai esfriando para refrescar o seu ambiente.

Para aquecer, o processo é parecido, porém inverso. Uma válvula interna muda o caminho do gás, que vai passar primeiro pelo evaporador. Assim o ar quente vem para dentro da sua casa.

E a função para desumidificar?

Como você viu, muitos dos aparelhos portáteis de ar-condicionado possuem função para retirar o excesso de umidade do ar. Você pode e deve utilizá-la sempre que a umidade for excessiva para que não tenha problemas no futuro.

A umidade no ambiente pode provocar corrosão, ferrugem e até destruir quadros e fotografias. Por essa razão, você pode aproveitar seu ar-condicionado para fazer durar mais a sua casa e os seus objetos.

O ar-condicionado portátil que possui esta função pode retirar a umidade do ar transformando o vapor em gotículas de água, que são recolhidas em um recipiente instalado na parte traseira do aparelho. O ciclo normalmente se reinicia sozinho toda vez que a umidade no ar se altera.

Como limpar o ar-condicionado portátil?

É sempre bom limpar o ar-condicionado portátil, assim como você limparia um aparelho de parede ou split. Mas qual o melhor método para isso? Bom, na verdade existem vários. O importante é que você faça uma limpeza perfeita, para evitar fungos e bactérias.

Em primeiro lugar não deve esquecer que a parte externa de seu aparelho precisa ser limpa. Não há necessidade de lavá-lo com água, uma vez que isso pode danificar o ar-condicionado de forma permanente. O ideal é usar apenas um pano levemente umedecido. Em seguida, use também um pano seco.

Quanto à parte interna do aparelho, os cuidados devem ser ainda maiores. Se você usa o aparelho com frequência, tenha a atenção de remover o filtro anti-pó todas as semanas. Pode usar um aspirador para remover os resíduos. Se estiver muito sujo, mergulhe o objeto em água, de modo a deixá-lo completamente limpo. Deixe que seque por completo e em temperatura ambiente.

Além disso, lembre-se que seu ar-condicionado portátil deve passar por manutenções preventivas. Elas são realizadas por especialistas, que resultam em uma limpeza muito mais profunda. Esses procedimentos devem ser realizados pelo menos uma vez por ano.

Ar-condicionado portátil é bom?

Um ar-condicionado portátil dá conta do recado tão bem quanto um ar-condicionado split ou um de parede. Portanto, sim, ele é muito bom! É um grande facilitador para quem não quer sofrer com temperatura extremas, mas que, por algum motivo, não pode ter um aparelho maior.

Mas se você ainda não está convencido disso, separamos abaixo alguns motivos para você dar uma chance a esse tipo de aparelho. Confira!

1. Tem preço mais acessível

Como você com certeza reparou pela lista de modelos acima, os preços desse tipo de ar-condicionado costumam ficar muito mais em conta se comparados aos tradicionais aparelhos. Não é preciso vender sua alma ou parcelar em 36 vezes o ar-condicionado para parar de passar calor.

2. É móvel e facilmente transportável

Por ser portátil, óbvio, esses condicionadores de ar facilitam muito a sua vida Primeiramente porque não há aquela necessidade de quebrar a parede novamente para levá-lo com você em caso de mudança de casa. É só colocá-lo em uma mala e pronto!

O fato de ele ser móvel e pequeno também é um facilitador na hora da limpeza. Não há desculpas para que você fique meses sem limpar o aparelho. Remover o filtro e passar um pano na parte externa do ar-condicionado é simples. Isso pode, inclusive, ser feito por qualquer pessoa.

3. Não compromete a decoração da casa

Quando você tem um aparelho de ar-condicionado de parede, você pode até escondê-lo com uma cortina. Ainda assim, dá para saber perfeitamente que ele está ali. Fora que normalmente os aparelhos de parede costumam ser mais antigos, o que traz um aspecto estranho à maioria das decorações. No caso do split, isso é ainda pior. É um trambolho que ocupa uma boa parte de uma parede.

Um produto portátil, por outro lado, é super discreto. Ele fica camuflado em qualquer cantinho do ambiente, o que não atrapalha sua decoração e nem chama atenção desnecessária para o aparelho. E se quiser deixá-lo à mostra, também não tem problema. Muitos têm um design moderno, bonito e elegante.

4. É econômico

Uma das maiores vantagens de um ar-condicionado do tipo portátil é justamente a economia de energia que oferece. Com certeza não haverá aquele susto ao receber a conta de luz ao final do mês.

5. Sua instalação é simples e rápida

Você pode instalar um ar-condicionado móvel em praticamente qualquer lugar da casa. Não é preciso quebrar paredes, fazer buracos para mangueiras ou ter estresses com uma pequena obra.

Normalmente ele vem com uma régua que é ajustável. É só ajustá-la na medida da janela que ficará fixo o duto responsável por enviar para fora de casa o ar quente. Consulte o manual de instruções, coloque o produto para funcionar e pronto!

Desvantagens de ar-condicionado do tipo portátil

Nenhum produto que você compra é perfeito. O ar-condicionado móvel ou portátil tem algumas desvantagens que você precisa levar em consideração antes de adquiri-lo.

Pense em primeiro lugar que esse tipo de aparelho é específico para determinadas situações. Por exemplo, se você não pode ou não consegue furar paredes ou instalar aparelhos em áreas externas do seu apartamento. Há casos em que o condomínio proibe.

Além disso, apesar de dar conta do recado quase sempre, esse ar-condicionado tem bem menos potência. Isso significa que ele é muito mais ideal para espaços pequenos e bastante fechados. Não espere resfriar um salão de festas com um aparelho desses.

Outra questão importante é que ele costuma fazer mais barulhos que os aparelhos de parede ou split. Portanto colocar no quarto de uma criança ou no quarto de alguém que tenha sono leve pode não ser a melhor das ideias.

Mesmo que sejam portáteis, esses aparelhos ainda contam com um tubo condutor que leva o ar quente para a rua. Em termos de consumo de energia, sim, muitos consomem menos que os tradicionais. No entanto há modelos que consomem quase o mesmo que um split, por exemplo, sem oferecer o mesmo nível de potência.

Mas vale a pena comprar um portátil?

Vale. Pesando os prós e contras, vale muito sim. Esse tipo de aparelho vai facilitar muito a sua vida, principalmente se você é uma pessoa que viaja muito ou que tem mais de uma casa.

Você pode, por exemplo, levar esse aparelho para sua casa na praia, para sua casa de campo ou mesmo para um chalé em uma montanha. Ele atua, de certa forma, como um ventilador, mas com muito mais eficiência e com muito mais potência.

Há alguns aparelhos, ainda, que podem ser utilizados como umidificadores ou desumidificadores. É questão de analisar se isso é importante para você e ir atrás do modelo ou dos modelos específicos e que apresentam essas características.

Por fim, analise bem todos os produtos do seu interesse e tenha em mente qual sua necessidade. Só assim você terá certeza de que está fazendo uma compra perfeita e que cabe em seu bolso.

 

 

 

Crédito das Imagens: Unsplash